Reangels-IFGEOOO!

A partir de agora estaremos incluindo informações..... GEOgráficas!!! Acompanhem o Blog, participem, contribuam! mais: elsaregis.ifgeooo! Cacoal-RO Brasil junho/2015 via aérea (eu estava lá! nos a r e s )

Apresentado a

20 de junho de 2010

A Musica das Flores

16 de junho de 2010

Brasil

E deu Brasil!

O sentimento de patriotismo que o brasileiro tem é sem dúvida alguma muito forte quando sendo o nosso país representado pelo jogo da copa.

Por mais que alguns não participem declaradamente, é muito comovente ver a alegria no rosto das pessoas( independente de raça, cor, credo, religião, política, idade, profissão) o desejo de que o seu País vença o jogo. E. mesmo não vencendo, sabemos que o brasileiro vai esperar outra oportunidade mas não deixa de acreditar na potência que o nosso País tem em tudo o que faz.

Logo cedo, já percebemos mais bandeiras pelas ruas, carros, casas, pintadas no chão.

Hinos tocados, cantados, ouvidos, dançados, desde os primeiros até os mais atuais.

Abrem-se os baús, tira-se os símbolos, as músicas, as lembranças....

Tudo é motivo de conversa, alegria, esperança!

O sol parece mais forte ainda que não se veja.

O futebol movimenta a economia do País. Mesmo que critiquem-se o valor alto gasto até mesmo para pagamento do salário dos jogadores, tem-se em troca um dia de lazer e emoção!

O calendário se flexibiliza. Oportunidade para curtir, vibrar e, para alguns até descansar!

Que seja um sentimento para união, não brigas, muito menos desgraças!

Que não se exagere, não dirijam bêbados, não prejudiquem famílias pondo-as em risco!

Que não se proíba a felicidade mas construa-se um sentimento de amor à Pátria que ainda tem um motivo para praticar a união dos povos!

Prá frente Brasil!

Imagens Google

O Sesc Consolação apresenta na Praça de Convivência o Telão, e as esculturas(perfeitíssimas) dos Grandes Gigantes da Copa. Uma ótima lembrança para quem quer prestigiar os nossos campeões!



Fotos por Esther Gehrti
Reservado direitos autorais

Foto por Esther Gehrti
Reservado direitos autorais

12 de junho de 2010

Monsieur...Vous êtes mon Rodin et Je suis ta Camille. Ta petite Claudell.Voulez vous me voir?Je me désabillerez,Et regarderez le ciel...pendant vou m'analise...Fait-moi partie de ton aquarele.Aprés, sans laisser que tu m'abille,me coucherez a tes pieds."Embrassez-moi,Monsieur.Mon chéri  esculpteur!

Poesie en regardant l'esculpture au Museu du Louvre a São Paulo. 2008.

FRANCOISE HARDY Tous Les Garçons Et Les Filles

11 de junho de 2010

TOMA UM CAFÉ CONTIGO MESMO - Dr. Walter Dresel

Segundo a lei da vida,
cada vez que uma porta se fecha para nós,
outra se abre.
O ruim é que,
com frequência,
olhamos com muita insistência
para o passado
e sentimos tanta falta
da porta fechada
que não vemos aquela
que acaba de se abrir.

ALBERT SCHWEITZER



Passamos uma parte importante de nossa vida
 emitindo julgamentos sobre todos os acontecimentos que nos vemos obrigados a enfrentar e sobre a atitude assumida pelas pessoas com as quais interagimos, já que a nossa existência se desenvolve em um padrão social.
Em um determinado momento, entretanto, e estimulados pelas circunstâncias, precisamos abordar com honestidade e valentia o julgamento que a nossa própria pessoa merece de nós, analisando a imagem que criamos para nós mesmo e cotejando nossos princípios sustentados em valores éticos e morais com o sentido da nossa vida e com o acerto - ou não - de nossas escolhas e decisões..
Admitir nossa vulnerabilidade diante das situações adversas, nos alivia a culpa ao nos permitirmos compreender que, como indivíduos, temos o direito de errar, e que na busca do êxito pessoal se esconde o fantasma do fracasso, com seu halo de obscuridade, tristeza e importância.....
Todo acontecimento pode ser interpretado de mais de uma maneira, e tudo dependerá da lente com a qual estivermos observando o nosso mundo exterior, mas também o nosso mundo interior......
A auto-avaliação surge do diálogo interno e da tomada de consciência sobre a necessidade de instrumentar mudanças que nos permitam viver melhor....
Chegará o dia em que você perceberá sua nova identidade e estará em condições de voltar a interagir com todos os seres humanos......
Não tema. A travessia começa aqui e não se detém nunca, pois a Excelência na Qualidade de Vida é um anseio de todos nós.
O destino final é transformar sua maneira de pensar e de sentir com respeito a seus direitos, e também às suas obrigações, para poder assim retomar a condução de sua vida, sabendo com certeza para onde há de dirigi-la.

trechos da obra do Dr. Walter Dresel no livro 'TOMA UM CAFÉ CONTIGO MESMO" - editora planeta.

10 de junho de 2010

AGRESSÕES SILENCIOSAS - leitura do livro do Dr. Wimmer Botura Junior - Parte I

Assim como existem doenças contagiosas causadas por vírus e bactérias, existem aquelas que são consequências do contágio pela comunicação, decorrentes do que o autor chama de "agressões silenciosas".
Uma simples conversa, um relacionamento amoroso, nossa família, a vizinhança- por detrás dessas relações cotidianas podem estar escondidas uma série de armadilhas inconscientes extremamente prejudiciais para nossas vidas.
Ao construirmos crenças com o material de nossas relações com o outro, podemos tomar decisões definitivas baseadas em interpretações erróneas, influenciando negativamente nossa vida pessoal, nosso contado social e nossa saúde.
"Há uma violência constante e grave nas relações cotidianas, muitas vezes disfarçada por atitudes aparentemente inocentes, enganosamente alegres e bem-intencionadas.
Frequentemente lemos pesquisas e artigos imputando a violência em nossa sociedade ao futebol, à televisão, à literatura ou à escola. À esta também se associam o sexo, as drogas, a miséria, as gangues, os adolescentes ou as formas de expressão que buscam a liberdade. Raramente, no entanto, comenta-se sobre a violência implícita na convivência familiar e na educação."
Além disso, muitas vezes, uma pessoa passa anos em análise, faz toda sorte de exames médicos - dos mais simples aos mais sofisticados - em busca de uma doença ou de um grande trauma psicológico, sem nada encontrar. Seus males são frutos das "agressões silenciosas".

Segundo Luiz Miller de Paiva, o título do livro é muito significativo, oportuno, e condiz claramente com o conteúdo temático..........um livro voltado para o leigo, no sentido de despertá-lo para se cuidar e se tratar...........As "crenças" às quais se refere Botura, são as fantasias inconscientes, que se produzem a nosso ver, até os sete anos de idade e causam sentimentos de culpas, levando às inúmeras doenças psicossomáticas e mentais (sentimentos de perseguição, seja entre os cônjuges, seja no trabalho)........O autor cita os casos de derriços conjugais que, para nós, são causadores de psicoses de terceira geração, isto é, avós brigam, pais se separam e filhos apresentam neuroses ou psicoses. O pânico e os estados depressivos seriam, para nós, ódio insconsciente pelos pais que se manifesta através da bioquímica pode ser curado com medicamentos e psicoterapia analítica.

Prof. Dr. Wimer Botura Júnior - médico, psiquiatra e psicoterapeuta, é especialista em psiquiatria pela Associação Médica Brasileira.

Outros livros:
Filhos saudáveis - auto - imagem, auto-estima e autoconfiança.
A paternidade faz a diferença
Ciúme
Destruição e Resgate do Feminino (co-autor)

BOTURA- AGRESSÕES SILENCIOSAS -república literária